Styles Chronicles #8: Três horas e o verão

Fala galera, tudo beleza? Espero que sim… Hoje estou de volta com mais uma edição da Styles Chronicles, onde falarei sobre a mudança para 3 horas do Monday Night Raw e os pontos positivos e negativos desta mudança. Também falarei sobre o verão americano, obviamente não sobre como é importante o uso de protetor solar, mas sim sobre um dos PPVS mais importantes da WWE: o SummerSlam.

Antes do texto quero agradecer ao Mr. ECW4ever pelo Banner novo da crônica que ficou bem massa, melhor que o antigo.

Para conferir o texto, clique no link abaixo.

A partir de agora os episódios do Monday Night Raw terão três horas de duração. Será que isso é bom ou ruim para o programa? Como toda mudança, em qualquer área de nossas vidas, existem pontos positivos e negativos para cada situação. Essa mudança também contém tanto pontos positivos, quanto negativos.

Muitos fãs da WWE (inclusive eu) vêm considerando os episódios semanais muito chatos e enjoativos, então pensamos: “Se com 2 horas de duração já temos esses shows chatos e enjoativos, imagina com 3!”. Realmente, essa é a realidade hoje em dia, pegando o SmackDown como exemplo, não tem nada de interessante de se ver no show. Vemos semanalmente o Ryback enterrar jobbers, Tag Teams, e o “Superman” Sheamus apanhar igual a um condenado para no final aplicar um Brogue Kick e pronto.

Esse tipo de show não interessa a muitos fãs de Wrestling, apenas às criançinhas da PG Era, mas não adianta tocar nesse assunto porque é assunto gasto. Onde quero realmente chegar é que o SmackDown já está apenas como “sobra” do Raw depois do fim da brand split. Imagina agora que o Raw será de 3 horas e tudo poderá ser desenvolvido nele, posso até afirmar que em breve poderemos ver um fim do SmackDown!

Sei que isso pode ser uma afirmação radical, principalmente agora que os episódios do SmackDown começaram a melhorar o nível, mas temos que esperar pra ver como a WWE vai levar os episódios do Raw & SmackDown para vermos se o SD ficará pior, ou se subirá de nível…

Como citei no começo do texto, os shows semanais andam chatos e enjoativos. O Raw com 2 horas, mesmo sendo ao vivo e nos proporcionando mais qualidade que o SmackDown, deixava a desejar várias vezes. Se a WWE não souber usar o roster que tem nessas 3 horas de show, certamente teremos um show horrível de se assistir.

Já somos obrigados a ver 2 horas de show baseadas nos Main-Eventers. Na maioria das vezes vemos um show baseado inteiramente no Kryptoniano John Cena com bônus em lutas dos palhaços Santino Marella e Brodus Clay. O que salva são as promos e lutas de CM Punk. Se a WWE quiser continuar assim, com certeza o Raw continuará em um nível baixo e posteriormente levará o SmackDown ao mesmo rumo.

Esses com certeza são os pontos ruins da mudança do Raw para 3 horas de duração. Se a WWE continuar do mesmo jeito que agora, os shows serão chatos e entediantes, e posteriormente levarão o SmackDown junto.

Mas vou parar de criticar a WWE, aliás, nos meus últimos textos venho criticando bastante a empresa de Vince McMahon e elevando muito a maior empresa de Wrestling no mundo, a TNA (a WWE é uma empresa de entretenimento, nem considero mais como uma empresa de Wrestling, mas como sempre colocamos a WWE em primeiro plano)! Então vou expressar minha opinião sobre os pontos positivos dessa mudança.

Não veremos show como o Raw 1000 sempre

A WWE certamente não fará shows como o Raw 1000, que foi simplesmente épico, mas pode manter um bom nível se souber usar bem o tempo que terá a partir de agora. Ela tem nomes de impacto como Cena, Orton e Punk, e também nomes que não estão no topo, mas que tem um bom valor como Kane, Rey Mysterio, Christian e Chris Jericho; que podem ajudar os jovens da empresa com mais tempo nos show.

O maior problema do roster da WWE hoje é que ele contém nomes “Tops” e depois acaba ai, a WWE tem jovens com potencial como Cody Rhodes, Dolph Ziggler, Wade Barrett, Tyson Kidd; e até posso colocar nomes como Sheamus, Daniel Bryan e Alberto Del Rio nessa lista, porque mesmo que eles já estejam meio que consolidados no Main-Event, ainda precisam evoluir, pois é isso que a WWE precisa agora: evoluir seus talentos!

Essa 1 hora a mais do Raw pode ser usada pra trabalhar com os jovens. Como citei um pouco acima, a WWE tem nomes de valor e nem todos eles podem ser colocado na rota dos títulos, então o que se deve a fazer? Colocar esses nomes já consagrados na empresa para trabalhar com os novos talentos como já fizeram com Wade Barrett, o Christian em feud com Cody Rhodes e agora o Jericho em feud com o Ziggler.

E quando é o melhor cenário para isso? O verão! O verão é simplesmente a melhor época do ano em todo lugar, e atualmente quem desfruta desta estação são os americanos. Com o verão, também vem o SummerSlam!

O SummerSlam é um dos PPV’s mais importantes da grade da WWE, não tem a Royal Rumble Match como o Royal Rumble ou a Traditional Tag Team Match do Survivor Series, é um PPV semelhante à Wrestlemania, mas com menos importância; e por ser no verão, ganha mais notoriedade ainda.

O SummerSlam é um ótimo cenário para os jovens. Se o Ziggler enfrentar o Jericho no PPV, será um grande avanço na carreira dele. A WWE poderia colocar mais talentos no card; como Cody Rhodes, que vem evoluindo muito entrando em rivalidades com nomes como Big Show e Christian recentemente; ou até Tyson Kidd, que é um dos melhores performes do roster da empresa.

O ponto positivo desta mudança para 3 horas do Raw é que a WWE terá mais tempo para trabalhar com seus talentos, não precisa fazer um show baseado inteiramente nos seus Main-Eventers. Com 3 horas da pra desenvolver melhor as feuds, trabalhar com os talentos e melhorar divisões fracas como as de Tags (essa já vem melhorando ultimamente) e de Divas (essas está feia…); e o melhor cenário para isso é no SummerSlam!

Bem, termino aqui mais um edição da Styles Chronicles, espero que tenham gostado, elogiem, critiquem (quase nunca sou criticado), mandem sugestões (quase nunca vejo sugestões) e até a próxima!

Anúncios

Publicado em 29 de julho de 2012, em Styles Chronicles, Textos e marcado como , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 8 Comentários.

  1. Quanto à nova duração do RAW, concordo que essa mudança pode ser um desastre, mas acho que também pode ser muito boa! Vai mesmo de esperar pra ver como a WWE vai trabalhar esse tempo. Acredito que eles realmente devam priorizar dar mais destaques às promos e desenvolvimento das storylines do Main Event sim, mas também devem enfatizar bem mais o Mid Card.
    Uma coisa que eu curti aí no texto e que me ajudou a tirar uma ideia, é isso de juntar os veteranos com os novatos pra um ajudar ao outro. Seria interessante mesmo unir eles pra fazermos feuds como Ziggler vs. Jericho (que só vai dar lutaça mesmo!), Del Rio vs. Rey, Christian vs. Rhodes… mas só aí eu já citei 3 que estão/estiveram em andamento, então já dá pra ver que a WWE também sabe que isso é uma boa. Desde ver Rhodes e DiBiase unindo a Legacy ao Orton em meados de 2009 já dava pra perceber que a empresa se preocupava em usar caras mais experientes pra uppar os mais novos.
    Claro que nada impede feuds somente entre “novatos”, como Sheamus vs. Bryan, ou vs. Del Rio vs. Ziggler; ou veteranos contra veteranos, como Triple H vs. Brock Lensar. Então acho que a WWE tem usado bem o seu card e bookado um bom show com o que ela se preocupa. Mas aí é que está: tem muita coisa com que a companhia não dá muita bola, como por exemplo o USA Title nas mãos do Santino; Ryback e Brodus Clay vivendo de Squashes; caras talentosos como Jack Swagger e Tyson Kidd raramente tento um destaque e do nada sumindo do card.
    Nesse ponto temos um grande problema. Foram-se os tempos em que os bookers se preocupavam nos shows como um todo, e não somente no Upper-Mid Card e ME.

    Se a WWE souber dar mais valor ao show como um todo, provavelmente veremos coisa boa e não acharemos nada tão monótono ou “chato e enjoativo”, como você falou. A empresa pode fazer muitas mudanças nessa onda do RAW 1000. Esse acontecimento em si já pode marcar uma mudança.
    Mas, como sempre, não dá pra deduzir o que os Vinces Russos da WWE tem em mente. Pra variar, é esperar pra ver e torcer pelo melhor.

    PS: Sobre o SD, acho que o show, em quesito “wrestling”, é bem melhor que o RAW. Não concordo que seja possível um fim da Brand, mas acredito que ainda tem bastante coisa pra melhorar. De qualquer forma, não sei se está tão mal assim… e ele sempre foi o show número 2 da WWE, então agora não deve mudar muita coisa. Não deve piorar, mas pode melhorar!

    • Valeu Ramon! Concordo com tudo que você falou cara, a WWE deve usar essa 1 hora a mais do Raw para evoluir seus talentos, mas nada impede de vermos feuds entre novatos, ou de veteranos como Triple H e Brock Lesnar.

      Em relação ao SD, acho que exagerei um pouco, o show deu uma subida de qualidade recentemente, mas se a WWE não mandar bem no Raw, o SD vai cair muito e ai podemos vir o fim da brand, mas duvido que isso possa acontecer em breve.
      Valeu!

  2. Um dos melhores textos que eu já muito bom concordo com a sua opinião o SmackDown ta muito chato até o NxT tá melhor a wwe tem aproveito seus taletos e as promesas de talento como
    Leo Krueger,Seth Rollins,Richt Steaboat,Michael Mcgullity e dar valor a Yoshi Tatsu
    e parar com lutadores medios para lutar com Ryback e Brodus Clay e niguem merece Santino Marella como Us Champs

    • Muito obriado Sena Cena, olha eu não venho acompanhando essa nova temporada do NXT por pura vagabundagem mesmo, mas o NXT tem nomes de valor para fazer um bom show.

      Eu entendo a paciência do WWE com o Ryback, não querem queimá-lo, mas PORRA, ele já venceu mais de 10 lutas contra jobbers, mesmo que agora esteja enfrentando outros WWE Superstars e apanhando um pouco, estáta na hora de entrar em uma feud concreta.

      Brodus Clay já é outro caso, não serve pra nada, não tem talento pra nada, e Santino… Outro caso a parte, o USA está muito descredibilizado com ele como Champ, um título que já foi de Chris Benoit, Ric Flair, Booker T, entre outros, nas mãos de um palhaço, enfim…
      Valeu!

  3. Gostei muito do texto, congratulations!!!
    Eu acho q a WWE tem mesmo q começar a usar melhor o talento desses lutadores citados, eu gosto muito do estilo do Rhodes e do Kidd, e tambem curto bastante o estilo do Justin Gabriel. O q deve ser feito eh simples, PUSHES, não tão meteoricos como o do Del Rio vencer o Royal Rumble, mas sim pushes como o dado ao Ziggler agora no Money In the Bank seguido da feud com Jericho.
    Realmente concordo q ultimamente apenas CM Punk tem salvado os show de serem um desastre, e com esse Heel turn o negocio pode evoluir mais, eh só uma questao de inteligencia da parte criativa da WWE.

    • Exatamente meu amigo, a WWE agora tem tempo para evoluir seus talentos, venho gostando muito do Rhodes, já credibilizou o IC Champ, teve feud com o Show, Christian, o push dele é apenas questão de tempo.

      Agora o Kidd por exemplo precisa de um push pelo menos pro Mid-Card, ele é um dos melhores performers do roster da WWE, merece mais do que destaque de NXT.
      Valeu meu amigo, comente sempre!

  4. Belo texto, colocou bem todos os pontos

    Quanto ao RAW, como esperei passar o 1001, posso dizer que essa hora até foi bem usada. Claro que na cabeça de nós, fãs, essa hora seria pra encher o card com Seth Rollins, Rhodes, Ziggler, Kidd, Reks, Hawkins, Gabriel e esse pessoal todo, mas é porque nós somos anarquistas, e queremos sempre os underdogs… Porem a WWE fez o certo, deu uma parte do tempo ao seu co-ME e ME, e uma parte mais aos midcards mesmo. Kidd emplacou uma boa luta com Tensai (e até ganhou) a tag match que normalmente teria uma trocação, até sair um finisher e acabar, teve alguns kickouts e varias trocas de dominação. Enfim, acho que dá pra ter esperanças de que a WWE trabalhe bem essa hora a mais.

    Quanto ao SD, acho que esse reinado do Sheamus tem feito com que a gente olhe com maus olhos a brand como um todo, que ainda consegue levar essa marca de “ser melhor que o RAW em quesito lutas” mesmo sem ter os tops que ja teve antes (como ja foi citado num texto aqui).

    E é isso, acredito que a WWE siga bem com essa hora a mais, pelo menos de começo, o show 1001 foi bom

    • O Raw 1001 realmente foi bom, a WWE soube fazer bem o show, só faltou o Rhodes e as Divas (que é um caso á parte).

      Quanto ao SD, o reinado do Sheamus está muito fraco mesmo, assim tirando a qualidade e fazendo gente olhar com maus olhos a brand, como você falou, mas espero que o nível continue a melhorar, como vem melhorando recentemente,
      Valeu Fernando!

Escreva seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: